• Dentista é condenada a 2 anos de prisão por racismo após ofensas no Facebook
    Notícias
    Yahoo Notícias

    Dentista é condenada a 2 anos de prisão por racismo após ofensas no Facebook

    Em uma das postagens, Delzuíte disse que "não misturo o meu sangue com merda".

  • Notícias
    Folhapress

    Luana Piovani posta foto de calcinha para declarar apoio ao 'fim dos likes' no Instagram

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Depois que se espalharam as notícias de que o Instagram poderia parar de mostrar o número de curtidas das publicações, Luana Piovani, 42, aproveitou para apoiar a novidade. A atriz publicou uma foto mostrando parte do seio, a barriga e metade das pernas, vestindo apenas uma calcinha, e questionou o valor da imagem. "Ouvi dizer que vão acabar os likes no insta (sic), ou seja essa foto e a divulgação de uma campanha beneficente estarão no mesmo lugar", comemorou a Piovani. "Quase acreditando que a consciência vai valorizar o conteúdo e frear um cadim (sic) o capitalismo daqui. E sobre a foto, sou mil vezes essa imagem às que vejo quando postam as barrigas por aí." A mudança no Instagram tem dividido opiniões entre os internautas. Segundo o site Tech Crunch, a rede social estuda esconder a contagem de curtidas que uma publicação recebe, visando diminuir a ansiedade pelos likes e reduzir a competitividade, melhorando o bem-estar dos usuários. "Nós queremos que seus seguidores foquem no que você compartilha, não quantos likes seus posts recebem. Durante este teste, somente a pessoa que compartilhou o post vai ver o número total de likes que recebeu", explica a rede social no protótipo. Com a revolução, apenas o autor das publicações teria acesso ao número de curtidas. Para os demais usuários, que não publicaram a foto, as curtidas apareceriam como "curtido por (nome de um usuário em comum) e outros". A medida ainda não é oficial, mas foi notada por uma usuária, Jane Manchun Wong, que descobriu o teste no código do app para Android e conseguiu "printar" as telas de como a rede social ficaria.

  • Fazer muito xixi a noite é normal? Entenda o que pode estar acontecendo
    Notícias
    HuffPost Brasil

    Fazer muito xixi a noite é normal? Entenda o que pode estar acontecendo

    Fazer muito xixi a noite te incomoda? A frequencia que cada pessoa urina variabastante e depende de varios fatores

  • Homem mais rico da Dinamarca perde três dos quatro filhos em atentados no Sri Lanka
    Notícias
    AFP

    Homem mais rico da Dinamarca perde três dos quatro filhos em atentados no Sri Lanka

    Três dos quatro filhos do bilionário dinamarquês Anders Holch Povlsen, proprietário do grupo de moda Bestseller e acionista majoritário da marca ASOS, foram mortos nos ataques de domingo no Sri Lanka, anunciou um porta-voz da companhia.

  • Ferido em confronto com a PM, chefe do tráfico alega acidente de trabalho em hospital
    Notícias
    Yahoo Notícias

    Ferido em confronto com a PM, chefe do tráfico alega acidente de trabalho em hospital

    Segundo a polícia, porém, o ferimento foi causado pela falha mecânica no fuzil calibre .30, utilizado por PQD durante um confronto com policiais do 41º BPM.

  • Bolsonaro 'escapa' de hotel e pilota moto nas ruas de Guarujá
    Notícias
    Folhapress

    Bolsonaro 'escapa' de hotel e pilota moto nas ruas de Guarujá

    GUARUJÁ, SP (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro (PSL) deixou o hotel militar onde está hospedado em Guarujá neste sábado (20) e deu uma volta de moto pela cidade do litoral paulista. Pilotando a moto, Bolsonaro saiu do local às 18h35. O objetivo da "escapada" e o destino não foram divulgados. Vestindo uma camisa de Neymar do clube francês Paris Saint-Germain e o que aparentava ser um colete a prova de balas, o presidente retornou cerca de 20 minutos depois, tirou selfies com apoiadores e respondeu a perguntas de repórteres. Bolsonaro está no Hotel de Trânsito da sede da 1ª Brigada de Artilharia Antiaérea, no Forte dos Andradas, desde quinta-feira (18). Ele informou que deve retornar a Brasília neste domingo (21). Questionado por uma mulher sobre onde tinha sido o passeio de moto e induzido a dizer que foi a uma igreja, ele repetiu Bola de Neve com as mulheres presentes. Quando o tema foi a reforma da Previdência depois do descanso, Bolsonaro disse que estava "acompanhando e se preparando". Ele afirmou ter recebido neste sábado o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto. "Eu estava acompanhando, se preparando, conversando com o ministro. Recebi o ministro [Campos Neto] hoje aqui, conversou comigo duas horas", relatou. "É a minha vida, estou muito feliz com o que estou fazendo, porque eu estou sentindo que eu posso ajudar a mudar o destino do Brasil. É uma missão, pô. Eu tenho que cumpri-la, tá OK?", afirmou Bolsonaro. O presidente compartilhou nas redes sociais um vídeo com cenas do momento em que é cercado por apoiadores na portaria do local. Mais cedo, Bolsonaro postou uma foto com sua mãe, Olinda Bolsonaro, 93. "Bom ter você comigo nesta Páscoa, mãe! Um abraço a todos!", escreveu em uma rede social. A mãe está com o filho no hotel, conhecido por ter recebido por seis vezes o ex-presidente Lula e a esposa, Marisa Letícia. Um dos principais atrativos da hospedagem é o fato de contar com uma praia privada, a de Monduba. A faixa de areia é protegida porque faz parte de uma área militar. O acesso é possível apenas pela frente do Forte dos Andradas. Na sexta-feira (19), Bolsonaro deixou o hotel para jantar em um clube da cidade e, na volta, em rápida conversa com jornalistas, disse: "Não estou pegando praia. Não tem sol. Estou dando um passeio por aí, dando uma mergulhada, coisa que não fazia há muito tempo". Com a chegada da comitiva presidencial, a rede de internet no bairro onde fica o forte foi incrementada: passou de 3G para 4G. A atualização na tecnologia permite navegação mais rápida. Pai do dono de um hostel que fica perto do forte, o comerciante Abílio Martins Pinto Junior, 62, disse à Folha que percebeu uma grande melhora na velocidade da conexão no estabelecimento. "Está perfeito." Bolsonaro é usuário assíduo de redes sociais e, recentemente, em viagem oficial ao Chile, reclamou da internet lenta no avião presidencial. A hospedaria tem diferentes suítes, campo de futebol, piscina, banheira de hidromassagem e vista ao mar do quarto. Há dentro do complexo moradias de oficiais do Exército e uma espécie de clube. A frequência de Lula no hotel fez com que, na época de seu governo, fosse construída uma suíte específica para receber autoridades. 
O Forte dos Andradas, forma como foi rebatizado o local em homenagem ao patriarca da Independência José Bonifácio de Andrada e Silva (1763-1838), foi a última fortificação a ser construída no país, em 1942. Inicialmente, o lugar levava o nome de Forte do Monduba, por estar ao pé do morro que leva o mesmo nome. Parte dele foi escavado em área de preservação ambiental permanente e é aberto para visitação ao público somente com agendamento prévio. Para hospedagem, o lugar também recebe civis, além de militares. As solicitações precisam ocorrer com ao menos um mês de antecedência.

  • Vídeo: Turista no Rio filma roubo do próprio celular em selfie
    Notícias
    Yahoo Notícias

    Vídeo: Turista no Rio filma roubo do próprio celular em selfie

    A mulher, vinda do Paraná, estava de pé no calçadão e gravava um vídeo com o mar ao fundo quando um jovem de bicicleta aparece na imagem. Ele se aproxima dela e toma o aparelho de suas mãos, enquanto o equipamento ainda filmava.

  • Explosões deixam mais de 200 mortos no Sri Lanka
    AFP

    Explosões deixam mais de 200 mortos no Sri Lanka

    Uma série de explosões deixou pelo menos 207 mortos neste domingo de Páscoa no Sri Lanka, em um crime que chocou o mundo. Os alvos dos ataques foram igrejas e hotéis de luxo.

  • Overdose de chocolate: Os sinais de que você exagerou nos ovos de Páscoa
    Notícias
    HuffPost Brasil

    Overdose de chocolate: Os sinais de que você exagerou nos ovos de Páscoa

    A Pascoa e um dos feriado favoritos do brasileiro

  • Ela colocou a sexualidade feminina no centro de sua arte. Conheça Tainá Maneschy
    Notícias
    Yahoo Notícias

    Ela colocou a sexualidade feminina no centro de sua arte. Conheça Tainá Maneschy

    Sem padrões, obras são incentivo para aceitação de várias mulheres.

  • Notícias
    Folhapress

    Silvio Santos celebra circuncisão do neto com Patrícia Abravanel

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Filha de Silvio Santos, Patrícia Abravanel celebrou a cerimônia de circuncisão de seu filho recém-nascido, Senor, neste final de semana. Nas redes sociais, Abravanel compartilhou um registro em que apareciam seu marido Fábio Faria e seus pais, Silvio e Iris Abravael. Eles comemoraram o Pessach, festa judaica que marca a libertação dos hebreus da escravidão no antigo Egito. "Foi uma grande alegria e um momento único celebrar a circuncisão do pequeno Senor junto com o Pessach e a Páscoa; festas que simbolizam tanta vida e tanta vitória. O Pessach marca a libertação do povo de Israel da escravidão." "O domingo de Páscoa marca a ressurreição de Cristo e o começo de um novo tempo. Nesse dia tão especial, tivemos a honra de reconhecer a fidelidade e bondade de Deus junto daqueles que amamos e também um momento de reafirmar nossa aliança com esse Deus maravilhoso!", escreveu. No final da mensagem, ela desejou aos seus seguidores "um Pessach de liberdade na alma e uma Páscoa cheia de vida e vitórias". "Cristo veio para que tenhamos vida e vida em abundância", concluiu. Além de Senor, Patrícia e Fábio são pais de Pedro, 4, e Jane, 1.

  • Notícias
    Folhapress

    Gilmar cita fake news e vê como natural STF retirar do ar reportagem sobre Toffoli

    LISBOA, PORTUGAL (FOLHAPRESS) - O ministro Gilmar Mendes (STF) disse nesta segunda-feira (22) ter encarado com naturalidade a decisão de seu colega no Supremo Tribunal Federal, o ministro Alexandre de Moraes, de retirar do ar reportagem com citação ao presidente da corte, Dias Toffoli.  "Ali [decisão de censura] se fez uma avaliação de que talvez houvesse fake news, porque talvez o documento [que se referia a Dias Toffoli] não existisse", justificou o magistrado. "Verificou-se depois que o documento existia e, por isso, cancelou-se a intervenção. A ideia de fake news se alimenta no próprio marco regulatório da internet, de tirar conteúdos que não existem. Foi essa a inspiração do ministro Alexandre de Moraes. Verificado que o documento existia, ele cancelou a decisão." As declarações de Gilmar foram feitas na manhã desta segunda (22), em Portugal, na abertura do 7º Fórum Jurídico de Lisboa, que é organizado pelo IDP, faculdade do ministro do STF, e pela FGV.   Na última quinta-feira (18), após pressão externa e interna, o ministro Alexandre de Moraes, relator do inquérito das fake news no Supremo, revogou decisão que havia sido tomada por ele próprio de retirada do ar de reportagens da revista Crusoé e do site O Antagonista sobre o apelido "amigo do amigo do meu pai" dado a Toffoli pela Odebrecht. O episódio da censura representou uma derrota ao presidente da corte. A medida havia sido criticada publicamente por ministros como Celso de Mello e Marco Aurélio Mello. Agora, nesta semana, o STF buscará tentar pacificar os ânimos internos e encontrar uma solução para o polêmico inquérito que investiga a divulgação de fake news contra ministros da corte. Nos bastidores, os integrantes do tribunal avaliam se e como a apuração aberta pelo presidente Toffoli deve ser levada a plenário. A avaliação é que, se houvesse uma votação hoje sobre o tema, a investigação seria arquivada pela maioria. ATAQUE AO SUPREMO Na entrevista em Lisboa, questionado se considerava certo ordenar a supressão da reportagem antes de se verificar a ausência de provas, Gilmar argumentou que houve, inicialmente, uma manifestação oficial da Procuradoria negando que tivesse recebido o documento que mencionava Dias Toffoli.  Gilmar aproveitou para minimizar a citação ao presidente ao STF. Para o magistrado, há uma tentativa orquestrada de tentar desestabilizar o Supremo. "Ele é referido como o amigo do amigo, isso nada tem a ver com a atividade que ele exercia no AGU, não tem nenhuma referência a atividade. O que se queria criar era uma suspicácia que está engajado em um processo de descredenciamento do Supremo Tribunal Federal." O ministro defendeu ainda que haja maior rigor, inclusive com medidas legais, em relação aos agentes públicos que vazem documentos para a imprensa. "Eu sei que a mídia trata disso com muita naturalidade porque é subsídio para as atividades da mídia, mas nós temos de reconhecer que isso se trata de um crime quando é praticado por um agente público", classificou.  O ministro Alexandre de Moraes também está presente no evento em Lisboa. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e o ministro da Justiça, Sergio Moro, também participam da conferência. O inquérito sobre fake news pode ser levado ao plenário por meio da discussão do arquivamento da investigação anunciando PGR (Procuradoria-Geral da República) ou dos processos de questionamento da apuração apresentados, por exemplo, pela Rede e pela ANPR (Associação Nacional dos Procuradores da República), os quais sustentam que a medida fere o ordenamento jurídico. Para um caso ser analisado pelos 11 ministros, Toffoli precisa incluí-lo na pauta. Na terça-feira (16), a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, enfrentou o STF e afirmou ter arquivado o inquérito. No mesmo dia, Moraes disse que a medida não tinha respaldo legal. Ela pode recorrer da decisão de Moraes, mas um eventual recurso pode demorar. A PGR informou que só é possível recorrer após ter conhecimento do que foi investigado. As informações sigilosas, no entanto, só serão disponibilizadas após o fim do prazo de 90 dias de prorrogação da apuração.

  • Notícias
    Folhapress

    Johnny Depp tentou boicotar ex-mulher em 'Aquaman', diz site

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ator Johnny Depp, 55, teria tentado fazer com que os estúdios DC excluíssem sua ex-mulher, Amber Heard, 32, do papel de Mera, a rainha da nação submarina do longa "Aquaman". As informações são do Hollywood Reporter.  Segundo a publicação, o caso aconteceu em 2016, mas só veio a público agora. Depp junto com seu advogado teriam tentado convencer os diretores a tirarem o papel da atriz. O ex-diretor da franquia, Kevin Tsujihara, será intimado a testemunhar para deixar claro se ele esteve à frente desse plano de Depp. A separação entre Johnny Depp e Amber Heard aconteceu em 2016, exatamente um mês depois do pedido de Depp a Tsujihara. Na ocasião, a separação deu muito o que falar, e Amber pediu à Justiça uma ordem de restrição contra o ex. Recentemente, o ator entrou com uma ação contra Amber por difamação. Ele quer receber o equivalente a quase R$ 200 milhões. Ele alega que as acusações de abuso contra ele são falsas. Para piorar a situação, Depp pode ser cortado do próximo filme da franquia "Animais Fantásticos", segundo o Page Six. Fãs estariam pressionando a produção para que ele saia.

  • Vídeo mostra Guarda Civil destruindo tapete de páscoa em homenagem a Marielle
    Notícias
    Yahoo Notícias

    Vídeo mostra Guarda Civil destruindo tapete de páscoa em homenagem a Marielle

    Em nota, a Guarda Civil Municipal confirmou que “os agentes desmancham desenhos de cunho político entre outros que nenhuma relação possuem com tapetes devocionais”.

  • Notícias
    Folhapress

    Moradores relatam ataques de travestis em bairro da zona oeste de SP

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Moradores da rua Catequese, no bairro Butantã, na zona oeste de São Paulo, foram surpreendidos na noite do último dia 11 por gritos de socorro. Alguns deles, que correram para entender o que estava acontecendo e prestar auxílio, encontraram um homem caído na via pública, ensanguentado. Um jovem de 27 anos, que não teve a identidade revelada, dizia ter sido roubado e esfaqueado por um grupo de travestis. Policiais militares foram até o local e prestaram os primeiros socorros à vítima, que foi encaminhada ao hospital. O estado de saúde dela também não foi informado. Apesar de ser um episódio mais grave da violência, moradores da região afirmam que este caso não é isolado e é apenas um exemplo da onda de violência que vem atingindo o local, deixando moradores e frequentadores do entorno com medo. Segundo eles, apesar de ser comum há muitos anos a prática de prostituição nas imediações, a situação ficou mais crítica desde que um grupo de travestis passou a atuar no bairro. "Elas chegam sempre juntas e não estão interessadas em fazer programas, mas sim em roubar", diz um morador que preferiu não de identificar. O homem afirma ainda que por um tempo os principais alvos do bando eram clientes que paravam na via interessados nos programas de prostituição. "Era comum elas atacarem principalmente quem aceitava sair com elas. Às vezes, enquanto uma distraía o motorista ou pedestre, outra dava um jeito de roubar pertences como bolsas, carteiras e celulares".  Agora, no entanto, os criminosos estão fazendo novas vítimas, como pedestres ou motoristas que passam pela região na ida ou volta do trabalho. Com equipamentos públicos como a estação do metrô Butantã e o terminal de ônibus, o fluxo de pessoas pelo Butantã é relativamente alto durante o dia todo. O bairro de classe média, que mescla de casarões de alto padrão a comércios populares, também abriga o campus da USP (Universidade de São Paulo). De acordo com a arquiteta Priscila Canhedo, 44, que mora há pelo menos duas décadas no Butantã, a situação se agravou nos últimos meses. "Sempre teve casos de prostituição por aqui, mas ficou muito complicado e perigoso desde que um grupo de travestis passou a frequentar essa rua todos os dias", explicou. Segundo Canhedo, a mudança de mão da via também foi outro fator que influenciou na diminuição da segurança. Para ela, a falta de registros dos casos em delegacias ainda compromete o serviço de investigação e a resolução dos casos. "Mais de uma vez por semana elas atacam alguém, mas a maioria não registra por vergonha. Às vezes a pessoa está aqui sem ninguém saber e por não saber como explicar desiste da denúncia e do registro do Boletim de Ocorrência." O 51º DP (Butantã) confirmou que investiga um caso de roubo ocorrido na rua Catequese, que deixou um homem ferido a facadas. "A equipe de investigação realiza diligências em busca de elementos que auxiliem na identificação da autoria", afirmou em nota. A Polícia Militar também diz que o policiamento realizado na região é intensificado de acordo com o mapeamento das ocorrências e dinâmica criminal. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, somente entre janeiro e março de 2019 o trabalho da Polícia Civil possibilitou a prisão de 17 autores de roubos no Butantã. A polícia, no entanto, não comentou se há entre os presos alguns dos suspeitos dos crimes praticados pelo grupo de travestis. Os moradores da rua Catequese estão se mobilizando para que, por conta própria, sejam instaladas câmeras de monitoramento na via, de modo a ter mais segurança aos pedestres e motoristas que circulam pela região.

  • Policiais se atiram no mar para salvar seis pessoas de afogamento
    Notícias
    Yahoo Notícias

    Policiais se atiram no mar para salvar seis pessoas de afogamento

    Os policiais patrulhavam a avenida da praia, quando uma mulher pediu socorro para um grupo de pessoas que estava se afogando. O caso aconteceu em um ponto que fica fora da área dos postos em que há guarda-vidas.

  • Manifestantes suspendem negociações com Conselho militar no Sudão
    Notícias
    AFP

    Manifestantes suspendem negociações com Conselho militar no Sudão

    Os líderes dos protestos no Sudão suspenderam, neste domingo (21), as negociações com o Conselho militar do Sudão para conseguir uma passagem do poder aos civis e fizeram um apelo para a população intensificar as manifestações.

  • Notícias
    Folhapress

    Jogo Monopoly lança versão especial de 'Rei Leão' em comemoração aos 25 anos do filme

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A empresa de brinquedos Hasbro anunciou que produziu uma nova versão de Monopoly com o tema do filme "O Rei Leão", para celebrar os 25 anos da animação. Segundo informações do portal americano ComicBook, o jogo será lançado nesta segunda-feira (22), com lançamento exclusivo no supermercado Walmart dos Estados Unidos, por US$ 39,99 (cerca de R$ 160), e chega às demais lojas do país em junho. O jogo tem um tabuleiro temático, com peões no formato dos personagens (Simba, Timão, Pumba, Nala, Mufasa e Scar) e notas de dinheiro com a sombra de Simba. O mais inusitado é uma "pedra", que serve como um "porta-cartas" e toca um trecho de uma das músicas do filme.  "Comemore a jornada de Simba para se tornar rei com este 'Monopoly: The Lion King Edition'. Os jogadores se movem pelo tabuleiro com seu personagem favorito de 'O Rei Leão', comprando o máximo de propriedades temáticas", diz a descrição do jogo. O jogo é lançado também às vésperas da estreia do "live-action" de "O Rei Leão", que chega aos cinemas no dia 18 de julho. O que antes era desenho agora será mostrado na forma computadorizada, como se os animais fossem de verdade. O ator James Earl Jones, que fez a voz de Mufasa no filme de 1994, retomará o personagem. Quem dublará Simba é o ator e músico Donald Glover, também conhecido como Childish Gambino. Já Beyoncé ficará com a voz de Nala, a leoa que é par romântico de Simba.

  • Notícias
    Agência Brasil

    ICMBio terá reforço de brigadistas para combater incêndio florestal

    Com a proximidade do meio do ano, período em que os incêndios florestais ocorrem com maior frequência, o governo lançou editais para contratar brigadistas e assim reforçar a prevenção em unidades de conservação, entre elas parques nacionais.

  • Em Paris, católicos rezam por 'renovação' na Páscoa, após incêndio de Notre-Dame
    Notícias
    AFP

    Em Paris, católicos rezam por 'renovação' na Páscoa, após incêndio de Notre-Dame

    Os católicos franceses celebraram um Domingo de Páscoa em Paris marcado pelo incêndio da catedral de Notre-Dame, há seis dias, e orando por uma renovação, um renascer, tanto para o templo emblemático, como para a Igreja Católica em geral.

  • Moradores aproveitam dia de sol para comemorar aniversário da capital
    Notícias
    Agência Brasil

    Moradores aproveitam dia de sol para comemorar aniversário da capital

    Os moradores de Brasília aproveitam o domingo de sol para comemorar o aniversário da capital federal, que completa 59 anos, com diversas atividades gratuitas na Esplanada dos Ministérios. As atrações começaram às 10h com a troca da Bandeira, apresentação da Esquadrilha da Fumaça e exposição de veículos militares na Praça dos Três Poderes. Apresentações de músicos da Escola de Música de Brasília; biblioteca volante, foodtrucks, atividades circenses, oficinas de ilustração e pintura, brinquedos infláveis, passeios turísticos e atividades físicas ao ar livre também estão na programação.Na Esplanada dos Ministérios, diversos shows, brincadeiras e apresentações celebram os 59 anos de Brasília. - Antonio Cruz/ Agência BrasilO militar do Exército Fabiano Rezende, acompanhado da esposa Gabriela e dos filhos João Pedro, 16 anos, Gabriel, de 4 anos, e Bernardo, de 3 anos, aproveitou as atrações do aniversário da capital para conhecer os monumentos e prédios da Esplanada pois chegaram a Brasília há três meses vindos de Olinda, Pernambuco.“Viemos assistir à apresentação da Esquadrilha da Fumaça e a Troca da Bandeira”, contou. “Brasília tem sido muito boa para nossa família. Os parques, muitas atividades gratuitas, boas escolas. Encontramos qualidade de vida aqui”.O lanterneiro aposentado Leôncio Ferreira Paiva, de 67 anos, se mudou para Brasília há 32 anos vindo de Vitória da Conquista, na Bahia. “Adoro Brasília. Tem muito espaço verde, muitas ciclovias. Eu gosto de pedalar. É uma cidade tranquila”, disse, após tirar fotos nos veículos militares.Ao todo, mais de 20 atrações musicais estão previstas em três palcos – o principal, que terá Anitta, Daniela Firme e o Bloco Eduardo e Mônica, entre outros; o palco Brasília, com artistas locais e adotados pela capital federal; e o palco gastronômico, que terá a presença de artistas da cidade e DJs. Centros de Atendimento ao TuristaA Secretaria de Turismo do Distrito Federal reabriu hoje (21) os Centros de Atendimento ao Turista (CAT) dos setores Hoteleiro Sul e Norte, que estavam fechados desde o fim das Olimpíadas de 2016. O CAT da Praça dos Três Poderes, que passou por revitalização na última semana, abriu as portas com um novo visual. O horário de funcionamento dos três centros é das 9h às 18h todos os dias da semana. A secretária de Turismo do DF, Vanesa Mendonça, fala sobre os 59 anos de Brasília. - Antonio Cruz/ Agência BrasilDe acordo com a secretária de Turismo, Vanessa Mendonça, a ideia é que os centros possam acolher os turistas e mostrar os talentos da capital federal. “Brasília é um destino turístico que precisa ser cada vez mais percebido pela população e pelos turistas dessa forma”.Segundo a secretária, quando a Torre de TV Digital for reaberta ao público, uma nova unidade do CAT será reativada e funcionará nos dias em que a Torre estiver aberta para a população, das 9h às 17h.Em breve, o Aeroporto de Brasília voltará a ter serviço de atendimento ao turista. A Secretaria de Turismo conseguiu com a concessionária Inframérica a liberação de uma loja na área do desembarque para montar um CAT. Segundo a pasta, um espaço na Rodoviária Interestadual também está sendo negociado.

  • Notícias
    Agência Brasil

    Corpo de menino atropelado será enterrado em São Paulo

    O menino de 5 anos que morreu após ser atropelado durante uma perseguição policial na Zona Leste de São Paulo, será enterrado hoje (22), na capital paulista. A mãe da criança,Thayana dos Santos Silva, de 25 anos, passou por uma cirurgia e continua internada em estado grave no Hospital Santa Marcelina. Leandro dos Santos e sua mãe estavam na esquina da Rua Bela Vista do Sul, no Aricanduva, quando foram atropelados.Segundo as informações a Secretaria de Segurança Pública do estado de São Paulo (SSP), a perseguição começou depois de um assalto a uma padaria na Rua Miguel Bastos Soares, que fica a 500 metros do local do acidente. Os criminosos, armados com pistolas, assaltaram a padaria por volta de 19h e fugiram em um carro, quando os policiais militares foram acionados e começaram a perseguição. Eles dirigiam em alta velocidade quando entraram na rua onde estavam Thayana e Leandro.O polícial militar que dirigia a viatura perdeu o controle e atingiu um poste. Os criminosos conseguiram escapar.Por meio de nota, a SSP informou que todas as circunstâncias estão sendo apuradas por meio de inquéritos instaurados pela Polícia Militar e também pelo 41° Distrito Policial (Vila Rica), responsável pela área. “Os policiais envolvidos receberão acompanhamento psicológico. Eles retornarão às atividades operacionais após avaliação”.

  • Notícias
    Folhapress

    'Não sabia que eu não era normal', diz Hannah Gadsby, de 'Nanette'

    VANCOUVER, CANADÁ (FOLHAPRESS) - Caso alguém ainda duvidasse se o programa de Hannah Gadsby na Netflix, "Nanette", era ou não comédia stand-up, a australiana veio explicar que, de fato, não era mesmo. E se alguém ainda pensava que ela ia se aposentar do humor, ela provou que não, não vai mesmo.  Na quarta (17), Gadsby participou do evento de palestras TED, quer a descrevia como "comediante séria". Faz sentido: em "Nanette", seu especial de 2018, ela faz rir ao contar sobre sua dificuldade de crescer lésbica numa cidade conservadora, mas muda radicalmente de tom no meio do caminho para fazer um manifesto anti-comédia e contar que sofreu muitos abusos e até estupro por ser gay. Gadsby diz que cansou de fazer humor com a própria tragédia. "Não é humildade. É humilhação", afirma no programa, explicando por que ia se aposentar. Mas o especial fez tanto sucesso que a australiana, uma veterana da comédia em seu país, acabou lançando carreira internacional. Neste ano, ela apresentou um novo show nos EUA, "Douglas", no qual explicou que aquele papo de aposentadoria era apenas um "artifício do teatro". A humorista queria se aposentar era do tipo de comédia com a qual construiu sua carreira. E, durante o TED, disse querer transformar o humor para fazer caber nele a história que queria contar. "Estava escondendo a escuridão, tirando as partes doloridas e guardando meu trauma pelo conforto da minha audiência", disse. "Estava conectando outras pessoas através das risadas, mas por dentro eu estava em pedaços." Foi quando resolveu escrever "Nanette". "Escrevi um show de comédia que não respeita a 'punch line'", falou Gadsby sobre a frase lacradora que encerra a piada para fazer todos rirem. "Não queria fazer ninguém rir. Queria chocá-los para que eles ouvissem a minha história e segurassem a minha dor, como indivíduos, e não como uma massa de risadas sem cérebro." Gadsby se defendeu das reclamações que ouviu à época, sobre "Nanette" não ser um programa de comédia.  "Ainda que eu posso concordar de fato não é um show de humor, essas pessoas constroem seu argumento de modo a dizer que eu fracassei na comédia. E eu não fracassei", disse. "Peguei tudo o que eu sabia sobre humor, os truques, ferramentas, conhecimentos e, com tudo isso, quebrei a comédia. Mas não queria simplesmente destruir e sim reconstruir, transformar, reformulá-lo para dar conta da minha história." Gadsby, 41, cresceu na Tasmânia, ilha ao sul da Austrália onde até meados dos anos 1990 era ilegal ser gay. Formada em artes, ela trabalhou em livrarias, cinemas e também na colheita em fazendas. Chegou a morar na rua e ser hospitalizada, até encontrar sucesso no humorismo em 2006. A comediante contou ter sido recentemente diagnosticada como autista. "Sempre pensei que não conseguia resolver minha vida como uma pessoa normal por ser deprimida e ansiosa. Não sabia que eu não era uma pessoa normal. Pelo menos agora sei qual é meu problema."

  • Notícias
    Folhapress

    'Seria menos feliz sem filhos', diz Gabriel Braga Nunes sobre paternidade

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Gabriel Braga Nunes, 47, está descobrindo as delícias de ser pai. "Super coruja", como ele mesmo se descreve, o ator diz que tem adorado descobrir as várias fases do crescimento da filha, Maria, agora com 4 anos e fruto do casamento com a atriz e assistente de direção Isabel Nascimento Silva. "Vai ficando cada vez mais legal. Quando era recém-nascido, eu amava. Aí falavam que 'vai ficando cada vez melhor', e eu achava que era impossível, porque eu gostava tanto de bebezinhos", comentou Nunes em entrevista. "Sou muito realizado como pai. Seria muito menos feliz se não tivesse tido filhos." Já pensando em ter mais crianças, Nunes está morando em São Paulo e garante que tem dividido bem o tempo entre três amores: o trabalho, a família e sua nova banda de rock, a Hurricanes. Entre o baixo, guitarra e vocais, ele tem feito uma média de um show por semana entre bares e casas da capital paulista. "Tocar 'classic rock' como eu estou fazendo me dá muito prazer. Era uma coisa que eu queria há muitos anos, mas com novelas todos os anos, a gente não consegue ir para os projetos pessoais", diz. "Já tive algumas bandas, mas essa está super bem. São Paulo tem um mercado de rock melhor que o do Rio. É o lugar para se ficar." O fato de estar fora das novelas e dentro de séries facilita essa disponibilidade que o ator tem. Atualmente, ele está nas telas da Globo como Geraldo Bastos, na minissérie de dez capítulos "Se Eu Fechar os Olhos Agora", que começou no dia 15 de abril e é transmitida logo após "O Sétimo Guardião". Nela, ele é casado com Adalgisa (Mariana Ximenes), uma mulher à frente de sua época, que veste calças e cores fortes. No entanto, trata-se de uma relação "de fachada". "Eles eram dois típicos playboys dos anos 1950 e 1960", descreve Nunes. "Ele tinha grana, ela era deslumbrante. Os dois frequentavam Copacabana. Eles eram chiques, bacanas, super bem-vistos. E se casaram muito apaixonados. Só que no meio do caminho, foram se descobrindo atormentados." "É uma relação que fica nessa balança entre os caras super 'bon vivants', mas que não conseguem ser completamente felizes por questões pessoais", completa. Na preparação para o personagem, ele diz que se inspirou nos políticos. "Fiquei pensando nessa maneira leve como os políticos poderosos fazem reuniões de negócios. Essa maneira leve de tratar coisas fundamentais."

  • Notícias
    Agência Brasil

    Corpos de duas crianças são resgatados dos escombros na Muzema

    Dois corpos de crianças, do sexo masculino, foram resgatados, neste sábado (20), dos escombros dos dois edifícios que ruíram na comunidade da Muzema. A informação foi divulgada pela assessoria do Corpo de Bombeiros. Agora, falta localizar uma pessoa que está desaparecida.Com os dois corpos encontrados hoje, sobe para 22 o número de mortos no desabamento dos prédios, que caíram na manhã do último dia 12. O Corpo de Bombeiros não informou o nome dos dois meninos retirados dos escombros. MáquinasO terreno em frente ao desabamento está sendo preparado para o acesso de máquinas de maior porte, incluindo um guindaste com capacidade de levantar as lajes de concreto, a fim de dar acesso aos bombeiros a locais ainda não vasculhados.A prefeitura do Rio já adiantou que vai demolir imediatamente três prédios ao lado dos imóveis que desabaram, assim que terminarem os trabalhos de resgate. Outros 15 prédios poderão ser demolidos também, pois não contam com licença de construção. PrisõesTrês responsáveis pelos dois prédios que caíram tiveram prisão decretada pela Justiça ontem (19), mas não foram detidos até o momento e são considerados foragidos.A Polícia Civil investiga o envolvimento dos três com as milícias, que dominam a construção e venda de prédios irregulares nas comunidades, em solos frágeis e sem projetos de engenharia nem redes de água ou luz legalizadas.